Antônio de Souza Filho
Meus Escritos
CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
ÁudiosÁudios
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
ContatoContato
Textos


Proseando com o leitor
(Prosas)
 
Olá leitor amigo! Vamos prosear um pouquinho, sim, isso mesmo que você está lendo, talvez você ache isso estranho, né... mas veja bem... não fazes isso com ninguém, não é verdade?! Você agora deve estar pensando: - mas como vou falar com você, se não vais me ouvir, nem ler imediatamente, - eu digo que sim, você vai saber quando estiver falando comigo, só continue lendo... - ih, esse cara quer me enlouquecer, mas tudo bem António, pode começar -: - viu só, você já está falando comigo... – rsrsr: - quero ver onde isso vai dá: - olha aí já está até pensando o que vai falar comigo... rsrr: - legal!
 
- Mas olha só, deixa eu falar sério agora... você é daqueles que se aborrece fácil com as coisas?! : – Não, eu acho que não, mas conheço gente assim...: – Ok, mas se você for assim não se reprove, isso acontece, são tantos os motivos que a gente tem diariamente, não é mesmo?! – Sim António, é verdade, e é de todos os lados, em casa, no trabalho, na política, no comércio, no trânsito, -: - pois é, mas sabe o que é bom pra isso?! – Não, o quê?! Tem alguma fórmula mágica por aí... rssr -: - Sim, acho que tenho, mas não é mágica não, são apenas reações que a gente pode ter, por exemplo: no momento em que sentir que vai levantar a voz com alguém, pare. Respire fundo e acalme-se. No momento em que sentir vontade de se vingar de alguém, pare. Ignore e siga sua vida... – hum, entendi, você acha que isso dá certo?! – Sim, com certeza.
 
- Nas relações interpessoais. No momento em que sentir vontade de virar a cara àquela pessoa que já não te diz muito, pare. Olhe-a e sorria-lhe. No momento em que ver alguém precisando de ajuda e te apetecer ajudar, não pare. Vá lá e ajude. – Sim, entendi, - o que é apetecer? – ah, pelo amor de Deus... rsrsr... apetecer é ter apetite, sentir vontade... entendeu?! Presta atenção, ham... – Antônio você está se exaltando... rsrsr... – kkk é verdade... vc é inteligente, aprende rápido...rsrsr – to brincando, só pra ver se tu estás em alerta... rsrsr - vamos continuar: - pois é, o bem se cultiva, começando por a gente mesmo, e amigo não tenha dúvidas de que você vai se sentir muito melhor sempre que escolher fazer o bem. – É acho que você está certo, mesmo que isso ocupe muito tempo, compensará. – Sim.
 
- Tem mais, sempre que estivermos prestes a explodir, é bom se adiantar e pensar nas consequências, o arrependimento que podemos ter e os problemas que surgirão dessa atitude. - É Antonioni, acho que é por aí... – tá gostando de mim, né?... Tá me pondo até apelido... tá... to te manjando... – agora conclui pra mim, pra ver se você entendeu? – tá bom... lá vai: - Pra mostrar minha raiva, não preciso gritar – ignorar – nem me vingar. Preciso sim, respirar fundo e perceber que, se fizer o mal, receberei o mal. Devo por fim, praticar o sorriso, mesmo quando me faltar à vontade...
 
- Muito bem, “dez” pra você meu amigo... gostei de você... - Você também, gostou de mim?! - Outro dia a gente conversa mais...
 
Doido... (o que foi que você disse?! – Eu ouvi, hein!)
 
Rsrsr
 
_____________
Antônio Souza
(Prosas)
 

www.antoniosouzaescritor.com
Antônio Souza
Enviado por Antônio Souza em 14/11/2019
Alterado em 15/11/2019
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Antônio Souza - www.antoniosouzaescritor.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

O Enigma de Esmeralda R$29,90
Site do Escritor criado por Recanto das Letras