Antônio de Souza Filho
Meus Escritos
Textos
Relações

Já faz um tempinho que advogo causas de família e confesso, em determinados assuntos estou especializado. O tema em pauta é sempre complexo e difícil de formar uma só opinião, posto que, enquanto humanos, somos realmente muito diferentes uns dos outros. Todavia, a grande maioria incorre no mesmo erro, o do egoísmo.

Muitas pessoas entram numa relação como se  somente elas existissem, e esquecem que o parceiro, também tem problemas, iguais ou parecidos com os seus. Foi assim com Solange*, uma de minhas últimas clientes. Procurou-me para dissolver o casamento - Ação de Divórcio. Ainda bem jovem com pouco tempo de casada.  Como de costume, tento ao máximo a reconciliação. Depois de uma breve conversa concluí: - Não vejo motivos para um divórcio, isso pra mim enquanto profissional é ruím, vocês têm muitos bens, meus honorários seriam muito bons, mas como ser humano, não. Isso não me faz feliz.

Ela pediu que eu me explicasse e eu falei: - veja bem, de tudo que ouvi, estou com pena do seu marido, vi que você conjuga muito o verbo na primeira pessoa, também senti que por muitas vezes seu olhar não alcança os dois lados, somente o que lhe apraz é conveniente, e me parece que sempre foi assim, embora você não tenha percebido. Você caiu várias vezes e provavelmente, não caiu mais porque ele estava do seu lado para lhe dar apoio; de tantas coisas que você desistiu, não o fez mais vezes porque ele estava lá te motivando e não chorou mais vezes por que também ele estava lá te amparando. Fico pensando, quantas vezes ele também queria contar algo, reclamar da vida, do trabalho, dos amigos, de qualquer coisa e você nunca estava lá para ouví-lo, me parece que nunca pode contar contigo, pois no mundo só existe você. Qualquer coisa que Ele possa ter feito, se você o ama é possível contornar... isso se você ama.

Solange* levantou-se, aproximou-se de mim e beijou-me a testa. Calada se foi. No dia seguinte, pelo WhatsApp recebi uma figurinha... ri bastante... continuo feliz.
 
*Solange, nome fictício.
Imagem: Google
........................
Antônio Souza
(Ensaios)
 
https://youtu.be/nnDRjGaCAf4
Verás – Madonna
 
www.antoniosouzaescritor.com



******

Destaco com gratidão o parecer poético do extraordinário e sempre festejado Poeta mineiro:

102203-mini.jpg?v=1572624827
14/03/2020 15:09 - marciusantos

O que falta à maioria de nós é a empatia.
O que esperamos das relações interpessoais?
Transparência, honestidade e muito respeito
Generosidade dentre tantas atitudes cordiais
Lealdade e os melhores sentimentos do peito. 

*****


 
Antônio Souza
Enviado por Antônio Souza em 01/03/2020
Alterado em 14/03/2020
Comentários
O Enigma de Esmeralda R$29,90
Site do Escritor criado por Recanto das Letras